Professores do Estado aprovam indicativo de greve

Categoria rejeita proposta do governo Fátima - Foto: cedida

Professores da rede estadual de ensino aprovaram nesta quinta-feira o indicativo de greve, para o próximo dia 27 de fevereiro.

A assembleia que decidiu pelo movimento paredista foi coordenada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação, na Escola Winston Churchill, em Natal.

A categoria rejeitou a seguinte proposta do governo Fátima (PT), apresentada na manhã desta quinta-feira ao sindicato:

Para os que recebem abaixo de R$ 4.420,55: janeiro de 2023 (na primeira implantação no contracheque será pago o valor retroativo); Para os demais: 5,79% na folha de maio (correspondente a inflação de 2023 medida pelo IPCA); 8,66% na folha de dezembro (totalizando 14,95% para todos); e os atrasados serão pagos a partir e maio de 2024 (mês subsequente a término do parcelamento de 2023), limitada a parcela de 2,5% da Receita Corrente Líquida apurada no 3º quadrimestre de 2023.

Fonte: Saulo Vale

Compartilhe o artigo:
Sobre Gov Notícias 977 Artigos
Redação do Site Gov Notícias

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*